Idesam lança livro sobre turismo durante Congresso Brasileiro de UCs

Capa_livro_turismoUCs-menor

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

No dia 24 de setembro, o Idesam promoveu a mesa-redonda “Turismo de Base Comunitária em Unidades de Conservação”, na programação do Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação (CBUC) que acontece em Natal (RN) entre os dias 23 e 27 de setembro. O evento também marcou o lançamento do livro “O Turismo na RDS do Uatumã” que relata o histórico de evolução do ordenamento turístico e inclusão dos moradores da RDS do Uatumã como protagonistas do turismo local.

>> Faça aqui o download da publicação

Além do Idesam, participaram da mesa-redonda o sub-coordenador do Centro Estadual de Unidades de Conservação do Amazonas (Ceuc/SDS-AM), Francisco Pinto; a empreendedora turística da empresa de turismo de base comunitária “Estação Gabiraba”, Ana Gabriela Fontoura, e o empreendedor de turismo de base comunitária – e morador da Reserva do Uatumã – José Monteiro Ferreira.

A apresentação do Idesam teve foco no conteúdo do livro, com destaque para as etapas desenvolvidas pelo Instituto para o fortalecimento do turismo de base comunitária na Reserva, que atualmente conta com quatro pousadas familiares em pleno funcionamento. Das etapas vencidas, foi ressaltada a importância do estabelecimento dos espaços de participação na tomada de decisão, como as reuniões anuais de análise sobre a pesca esportiva, assim como as regras para a atividade, e a revisão do zoneamento do uso da água.

Para o Secretário Executivo do Idesam e um dos autores do livro, Carlos Gabriel Koury, estes espaços de debate fortalecem o envolvimento de toda sociedade local – comunidades, prefeituras, empresariado, operadoras de pesca esportiva – e permite estabelecimento de regras aplicáveis e amplamente debatidas. “Nós consideramos extremamente importante envolver todos esses níveis no processo de conservação e uso sustentável da Reserva, principalmente os moradores do local”, afirmou Koury.

Carlos-Gabriel-Koury,-Secretário-Executivo-do-Idesam

Francisco Pinto, do Ceuc, informou os avanços na consolidação do turismo em UCs estaduais – com as premissas estabelecidas no Sistema Estadual de Unidades de Conservação (Seuc) e o decreto de turismo lançado em 2010–, e os próximos do Governo na regulamentação e promoção do turismo em todas suas modalidades. A apresentação de Gabriela Fontoura foi voltada para os conceitos do Turismo de Base Comunitária. Além de compartilhar sua experiência na capacitação de comunidades para o turismo, a empreendedora também falou sobre os desafios enfrentados na implementação das atividades.

Após as apresentações, as rodadas de perguntas também envolveram o morador José Monteiro, que destacou a importância do apoio do Idesam no planejamento e implantação do Turismo de Base Comunitária.

José-Monteiro,-o-Papa,-é-um-dos-comunitários-que-promovem-o-turismo-de-base-comunitária

“Após a criação da pousada familiar, os principais desafios são a regularização do empreendimento turístico e a divulgação do turismo na RDS do Uatumã”, afirmou, citando ainda os planos da Associação Agroextrativistas das Comunidades da RDS Uatumã (AACRDSU) de ampliar a participação dos moradores no turismo, nas modalidades de pesca esportiva e de base comunitária.

Paralelo ao evento, o Idesam também está presente no estande “Amazônia Protegida”, organizado pelo Fundo Vale em parceria com diversas instituições que desenvolvem atividades dentro de Unidades de Conservação da Amazônia.

Estande-Amazônia-Protegida

Leave a comment