Seminário Regional de Multiplicadores em Manaus

multiplicadores-ea-1

Por Cristiano Alves, estagiário do Programa Mudanças Climáticas do Idesam

Nos dias 09 e 10 de setembro, aconteceu, em Manaus, o Seminário Regional de Multiplicadores em Agricultura Familiar, Desenvolvimento Rural Sustentável e Regularização Ambiental Aplicada ao CAR. O evento foi realizado no Centro Mariápolis Maria de Loreto, localizado no KM 026 da rodovia AM-010, que liga Manaus e Itacoatiara.

O evento contou com a participação de várias instituições e representantes de todos os estados da região Norte do país, nos quais as maiores representatividades eram dos estados do Amazonas, Pará e Roraima. Foram dois dias de atividades discursivas, debates, atividades práticas de interação e troca de ideias entre os participantes, além da formação de grupos para discutir os temas abordados no evento.

No primeiro dia, os debates do evento foram mais voltados para um diagnóstico geral da situação da agricultura familiar em cada estado, no que se refere à produção, logística, cooperativas e ao CAR. Foi evidente a disparidade entre os estados na mesma região. O Pará, por exemplo, está bem avançado na quantidade de cadastros efetivados, diferente de Roraima, onde há atrasos até na disseminação de informação, conforme relataram as instituições presentes.

Os participantes deram ênfase à precariedade de logística em toda a região, com deficiência de acesso, estradas ruins e dificuldade para chegar a localidades mais isoladas. Isso reflete diretamente no bom rendimento do trabalho de assistência técnica prestado pelas instituições, no escoamento de produção dos agricultores, na disseminação de informação quanto à importância do cadastro ambiental e outros fatores que se interligam diretamente à temática.

O segundo dia foi voltado para debates sobre legislação; foram ressaltadas algumas brechas no código florestal, e algumas normas que não contemplam as realidades tão divergentes amazônicas. O sistema off-line de cadastramento foi apresentado, assim como sua aplicação.

Ao final do evento a rede foi fortalecida – agora com a presença de mais representantes da região Norte. A proposta dessa rede é trocar ideias sobre boas práticas em agricultura familiar, desenvolvimento rural sustentável e CAR, entre outros assuntos pertinentes.

Os representantes do Amazonas se comprometeram a realizar uma atividade de difusão do que foi aprendido durante o seminário. A atividade será realizada em uma comunidade próxima de Manaus, ainda a ser selecionada, com agricultores familiares interessados. Essa “difusão de conhecimentos” será um projeto piloto e pretende ser expandida para outras localidades por meio da rede de multiplicadores.

Segue o link da rede. E fica o convite aos interessados em participar e contribuir nesse tema tão importante: http://multiplicadoresea.ning.com/

Posts relacionados

Deixe um comentário