Publicação reúne recomendações para o avanço do REDD+ Jurisdicional

content image
Publicação reúne recomendações para o avanço do REDD+ Jurisdicional

[:pt]Por Samuel Simões – 

Já está disponível no site do Idesam o relatório “South-South Exchange: Cross learning with Jurisdictional and Nested REDD+ in Amazonas, Brazil”, resultado final do evento Technical Exchange on Jurisdictional REDD+.

O intercâmbio, realizado em junho de 2013 em Manaus, reuniu especialistas de REDD+ (Redução de Emissões do Desmatamento e Degradação Florestal, mais conservação, manejo sustentável e aumento de estoques de carbono nas florestas) de diversos países para debater como desenvolver a ferramenta em níveis subnacionais.

O relatório traz uma divisão de temas conforme o proposto no evento, onde foram destacadas as abordagens para reduzir efetivamente as emissões provenientes de desmatamento e degradação florestal; as dificuldades políticas e arranjos institucionais necessários para a ferramenta e, finalmente, questões sobre monitoramento e estabelecimento de linhas de base.

Entre as principais alternativas propostas pelos especialistas estão a criação de fontes de financiamentos para atividades de REDD+, a elaboração de uma plataforma de troca de experiências e suporte técnico que envolva todos os atores.

Os presentes ainda apontaram que muitos conceitos gerais relacionados a REDD ainda precisam de melhor definição, assim como questões de repartição de benefícios, estabelecimento de padrões e construção de capacidade, que permanecem confusos.

“Eu acredito que os governos locais e jurisdicionais tem um papel crucial em completar as lacunas no desenvolvimento do REDD+. Espero que possamos continuar essa troca de informações, fornecendo soluções efetivas para os desafios relacionados ao REDD”, destaca Mariano Cenamo, secretário executivo adjunto do Idesam.

[:en]The report “South-South Exchange: Cross learning with Jurisdictional and Nested REDD+ in Amazonas, Brazil”, final result of the event Technical Exchange on Jurisdictional REDD+, is already available on Idesam’s website.

The cross learning, done in June 2013 in Manaus, gathered experts in REDD+ (Reducing Emissions from Deforestation and Forest Degradation) from different countries to debate how to develop this tool in subnational levels.

The report brings a theme division as proposed in the event, where the approaches to effectively reduce emissions caused by deforestation and forest degradation were highlighted, along with political difficulties and institutional management needed to the tool and, finally, issues related to monitoring and base lines establishment.

Among the main alternatives proposed by the experts, there is the creation of financing sources for the REDD+ activities, the designing of an experience exchange platform and technical support that involves all active professionals related to the topic.

The participants pointed out that many general concepts related to REDD+ still need better definitions, just as benefit sharing, standards establishments and capacity building, issues that remain confusing.

“I believe that local and jurisdictional governments have a crucial role in filling in the gaps in REDD+ development. I hope we may continue this information exchange, providing effective solutions for the REDD-related challenges”, said Mariano Cenamo, Idesam’s deputy executive director.[:]