Estudantes de Apuí participam da Semana de Ciência e Tecnologia

visita-viveiro-educacao-ambiental

Por Priscila Rabassa

No dia 28 de novembro, o Idesam realizou, no município de Apuí, município do sul do Amazonas, uma atividade de educação ambiental com estudantes do Centro Educacional Padre Faliero. A atividade aconteceu no Viveiro Santa Luzia, um dos parceiros do Idesam, e contou com a presença de 20 alunos da 5a série do ensino fundamental.

Com o tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social”, o evento faz parte do calendário da 11ª. Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, promovida no Amazonas pela Secretaria de Estado de Ciência Tecnologia e Inovação (Secti) e tem como objetivo explorar a curiosidade das crianças e jovens para estimular o interesse para a ciência e para a tecnologia.

A programação contou com uma visita guiada no viveiro, onde as crianças puderam aprender um pouco sobre o processo de coleta e beneficiamento de sementes, assim como o cuidado com mudas utilizadas para reflorestamento, arborização e ornamentação realizada pela equipe do Santa Luzia.

De acordo com Vitor Coluna, engenheiro florestal do Idesam e um dos organizadores do evento, a proposta foi promover uma tarde sobre a ciência aliada ao cuidado com o meio ambiente.

“Nosso meta é mostrar aos alunos a importância da ciência para o desenvolvimento social e ambiental. A ciência é um instrumento de transformação e, se aliada ao cuidado com o meio ambiente, ela pode se tornar em uma ferramenta de estímulo e cuidado com a natureza”, declara.

Além da visita guiada, onde os alunos mostraram interesse e curiosidade de aprender fazendo diversas perguntas a equipe do Idesam, também foi proporcionado um espaço para as crianças desenharem mostrando o que aprenderam no dia.

Para Juliano Goncalves, aluno da escola Padre Faliero, o dia foi importante para conhecer mais o meio ambiente. “O que eu mais gostei hoje foi das plantas e das minhocas porque é legal o que vem da terra, se a gente não preservar a natureza não teremos água no futuro nem oxigênio”, comenta.

No final cada uma das crianças foi presenteada pelo proprietário do Viveiro, Sr. Dalcir Saatkamp, com uma plantinha.

“A ideia é estimular a criançada a plantar as mudas em casa e no próximo semestre letivo elas visitarem novamente o Viveiro trazendo uma foto da sua planta para a gente acompanhar o desenvolvimento”, comenta Saatkamp.

Após o evento, Idesam e Viveiro Santa Luzia fecharam parceira para realizar em 2015 a Virada Ambiental de Apuí, onde o objetivo é realizar ações ambientais em diversas escolas do município, abrangendo também a zona rural.

Posts relacionados

Deixe um comentário