(Português do Brasil) Aliança ABio vence edital do MDIC para gerir Centro de Biotecnologia em Manaus

CBA

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Publicado em 23/11/2018, por Amazonas Atual

Por Redação

 

A ABio (Aliança para a Bioeconomia da Amazônia), formada por instituições de pesquisa em bioeconomia no Estado do Amazonas, foi habilitada em primeiro lugar no processo seletivo do Edital de Chamamento Público número 2/2018 do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) para gerir o CBA (Centro de Biotecnologia da Amazônia).

O CBA foi criado há 15 anos e passou por vários ministérios até ser vinculado à Indústria e Comércio e ficar sobre responsabilidade da Suframa (Superintendência da Zona Franca de Manaus).

A Aliança ABio é formada por instituições de referência em PD&I na Amazônia como a Fundação Amazonas Sustentável (FAS), Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam), Instituto Leônidas e Maria DEane (Fiocruz Amazônia), Centro de Educação Tecnológica do Estado do Estado do Amazonas (Cetam), Fundação Paulo Feitoza (FPF), Universidade Nilton Lins (UniNiltonlins), Rede de Inovação e Empreendedorismo da Amazônia (Rami), Associação BioTec-Amazônia, Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (Idesam) e Rede de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia Legal (Bionorte).

A ABio informa que sua estratégia é contribuir para o aumento da participação de atividades produtivas sustentáveis baseadas na bioeconomia no PIB da Amazônia e fomentar a ciência, tecnologia, inovação e empreendedorismo. O resultado do Edital nº 2/2018 do MDIC foi divulgado na quarta-feira, 21, na página http://www.mdic.gov.br/ index.php/inovacao/biotecnologia

Leave a comment