DOE AGORA

Em parceria com Idesam, Estadão recebe prêmio de excelência jornalística

Em parceria com Idesam, Estadão recebe prêmio de excelência jornalística

Por Lucas Moreno
Com informações do Estadão

Nesta última quarta-feira (23), a reportagem especial Clima em Transformação – desenvolvida por jornalistas do Estadão em parceria com pesquisadores do Idesam – recebeu o Prêmio Excelência Jornalística 2017 na categoria de Jornalismo de Dados, da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP).

O especial foi divulgado às vésperas da COP-21 (que rendeu, semanas depois, o acordo universal de Paris), e apresenta uma comparação entre quanto cada país emite em gases estufa, e quanto se comprometem a emitir até 2030. Dados de 2010 apresentam uma emissão equivalente a 49 Gigatoneladas (Gt) de emissão de CO2.

No estudo, cento e vinte países apresentaram um conjunto de metas que podem adotar para reduzir suas emissões para no mínimo 23Gt. Segundo o Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), o ideal seria emitir 1.000 Gt entre 2012 e 2100, e assim, alcançar o ‘orçamento de carbono’, valor considerado como o ideal global para controlar o aumento da temperatura.

“O nosso principal objetivo foi colocar de forma didática e bastante clara como os diferentes países estavam se posicionando quanto às suas metas para redução de emissões, e se conseguiremos cumprir o objetivo de manter as mudanças climáticas dentro de um equilíbrio”, explica Pedro Soares, gerente do Programa Mudanças Climáticas do Idesam, que integrou, ao lado de Mariano Cenamo e Isabele Goulart, a equipe de consultores que contribuiu com o material.

Em entrevista ao Estadão, a jornalista Giovana Girardi, que assina a reportagem premiada, destaca que utilizar elementos gráficos interativos foi essencial para a compreensão do tema.  “Foi um trabalho que deu orgulho em todos nós ao ouvirmos dos nossos leitores: ‘ah, agora eu entendi’”.

Para Soares, o prêmio também é de grande relevância para o Idesam, que trabalha diretamente no combate às mudanças climáticas. “A premiação reconhece o trabalho da equipe envolvida, o esforço e a relevância do tema. O Estadão conseguiu colocar essa informação de maneira acessível para todos aqueles que podem ser agentes de cobrança, porque, por fim, a mudança é para todos”, diz.

WordPress Lightbox Plugin