DOE AGORA

No Amazonas, assentados apresentam demandas ao Incra

No Amazonas, assentados apresentam demandas ao Incra

Por Izamir Barbosa e Samuel Simões Neto

No dia 14 de dezembro, representantes de várias organizações da sociedade civil e associações de moradores de assentamentos participaram, na sede do Incra no Amazonas, de uma reunião com a presença do presidente da autarquia, Leonardo Góes Silva.

O Idesam participou do evento e aproveitou a oportunidade para realizar recomendações sobre o contrato de Assessoria Técnica Social e Ambiental (ATES) que mantém com o Incra desde 2014 e compreende atuação em 10 assentamentos localizados em Manaus, Presidente Figueiredo, Apuí, Novo Aripuanã e Manicoré.

Na ocasião, o Incra autorizou a criação do Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS) de Cachoeiras e entregou Contratos de Concessão de Direito Real de Uso (CDRU) para 1.934 famílias do PDS Costa do Iranduba, representadas por 8 famílias no evento.

A superintendente regional do Incra, Maria do Socorro Feitosa, destacou a forte presença das organizações comunitárias no evento e a importância do diálogo entre o presidente, os servidores do Instituto e os beneficiários da Reforma Agrária no Amazonas.

Socorro destacou ainda as dificuldades enfrentadas durante o ano de 2015, para a conclusão das atividades propostas. “Esperamos que esse compromisso seja prolongado em 2016. De tudo aquilo que nós pensamos em fazer e não conseguimos”, disse.

O compromisso com a assistência técnica feita pelas organizações prestadoras de serviço ao Incra foi um tema levantado pelos assentados, assim como o asfaltamento precário, reformas estruturais de pontes e bueiros, implementação de serviços de telefonia e internet e, principalmente, a titulação de loteamentos.

Para essas melhorias, os líderes das associações dos comunitários presentes representaram seus respectivos assentamentos e projetos ao público presente e à banca composta pela superintendência regional e presidência do Incra, pela Delegacia Federal do MDA no estado do Amazonas e pela Secretaria do Estado do Meio Ambiente (Sema).

Feira de produtores – Em paralelo à reunião, os agricultores familiares do PDS Nova Esperança e PA Tarumã Mirim, em parceria com a Associação dos Produtores Orgânicos do Amazonas (Apoam) e o Idesam, realizaram a Feira Orgânica e de Transição Agroecológica da Reforma Agrária, comercializando a produção realizada através de práticas agroecológicas e sustentáveis.

WordPress Lightbox Plugin