Idesam e FARM fecham parceria para plantar cinco mil árvores na Amazônia

farm-ecoera

Município de Apuí, no sul do estado, é uma das fronteiras de desmatamento na Amazônia e foi escolhido como um dos locais de plantio originados pelas adesões ao Clube FARM

 

Com informações da FARM
Imagem: Divulgação

 

Em comemoração ao dia da árvore, celebrado em 21 de setembro, uma parceria firmada entre Idesam e a marca de roupas Farm quer plantar mais de cinco mil árvores nativas no sul do Amazonas, mais especificamente Apuí, um dos municípios que mais sofre com o desmatamento na região. Com o lançamento do Clube FARM, a grife passa a oferecer o plantio de uma muda de árvore a cada cliente que assinar o seu clube de vantagens, por apenas R$ 10 mensais.

A assinatura mensal também irá beneficiar a recuperação de uma área de floresta urbana em São Paulo, por meio da Fundação SOS Mata Atlântica, contabilizando a meta de 10 mil árvores plantadas nos dois biomas, no primeiro ano do clube.

Especificamente no Amazonas, a parceria com o Idesam prevê o reflorestamento de áreas degradadas no sul do Estado, através do plantio de árvores nativas, junto com café, no modelo de Sistemas Agroflorestais (SAFs). A região escolhida foi o Projeto de Assentamento (PA) do Juma, em Apuí, uma área de 25 mil metros quadrados e que beneficiará famílias locais.

“Estamos muitos felizes pela parceria com a Farm, pois além dos benefícios diretos dos plantios para as comunidades locais, esperamos conseguir conectar um pouco mais os brasileiros com a Amazônia”, afirma Mariano Cenamo, pesquisador sênior do Idesam.

Além de ajudar na recuperação das florestas naturais e na conservação do meio ambiente, o clube de vantagens da marca vai oferecer descontos em toda a coleção (para quem assinar no dia do lançamento), preview de peças de coleções a serem lançadas e uma seleção de produtos exclusivos, entre outros benefícios.

“Este é mais um passo importante no nosso comprometimento com a restauração e recuperação da biodiversidade brasileira, que tanto nos inspira e nos faz feliz. A recuperação do nosso solo, fauna e flora deve ser um compromisso de todos. Por que não da moda?”, destaca Kátia Barros, sócia-fundadora e diretora criativa da Farm.

Posts relacionados

Deixe um comentário