Campo Sustentável abre oportunidades para prestação de serviços no Tocantins

area_ILPF_Fernando Alves_Gov TO

Oportunidades são voltadas para pessoas jurídicas com experiência em pecuária sustentável

 

Por Comunicação Idesam
Foto: Fernando Alves/Governo do Tocantins

 

O projeto Campo Sustentável, coordenado pela Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Tocantins (Semarh) em parceria com Idesam, abriu três processos para a contratação de empresas que irão realizar diferentes serviços relacionados à pecuária no Tocantins. As interessadas devem enviar suas propostas até o próximo dia 15 de novembro, apenas via e-mail.

Na primeira oportunidade, registrada no Termo de Referência (TDR) de número 60, o projeto procura Pessoa jurídica com experiência na área pecuária, rastreabilidade animal e cadeia da pecuária bovina no Tocantins, para realizar estudo das barreiras e oportunidades para desenvolvimento do sistema de rastreabilidade de pecuária em seis propriedades no Estado.

Já o TDR de número 61 visa a contratação de empresa para realizar levantamento de imóveis que trabalham com os sistemas de integração-lavoura-pecuária-floresta no Estado do Tocantins. A empresa deverá entregar relatórios e tabelas com as informações levantadas durante o período de vigência do contrato, que será de quatro meses.

O terceiro TDR (62) busca pessoa jurídica para realizar assistência técnica em três escolas agrícolas no Tocantins. Entre os conhecimentos passados nas capacitações estão técnicas sobre produção de mudas, sementes florestais e Sistemas de integração Lavoura-Pecuária-Floresta.

Todas as propostas enviadas devem contemplar o valor total para a realização das atividades, considerando ainda impostos e encargos. Faça o download dos TDRs no final da página para saber mais detalhes.

Sobre o Campo Sustentável

O projeto foi pensado dentro de uma das estratégias do Programa Jurisdicional do REDD+ do Tocantins, e tem o objetivo de demonstrar aos produtores rurais resultados econômicos através da implantação de 50 hectares de iLPF com modelos produtivos distintos. Os resultados irão compor Planos de Negócios atrativos para produtores rurais, assim como embasar o desenvolvimento de uma Estratégia de Investimento para transição agroecológica e redução do desmatamento no Estado, dando segurança a produtores e investidores.

Entre os resultados esperados pelo projeto está a redução das taxas de desmatamento no Estado, através de uma estratégia de produção rural sustentável e com a recuperação de áreas já degradadas, combatendo de forma ambiental e econômica, um dos principais vetores do desmatamento que é a pecuária extensiva.

Confira os TDRs:

TDR 60 – Estudo Rastreabilidade

TDR 61 – Mapeamento de Campo

TDR 62 – Capacitações Escolas Agrícolas

Posts relacionados

Deixe um comentário